Fechar

NOTÍCIAS

Você está em: Inicial

Notícias

Pesquisa: ansiedade atinge 35% dos trabalhadores durante a pandemia

O total de trabalhadores que passou a procurar por serviços psicológicos para cuidar da saúde mental saltou de 2,2 milhões, antes do novo Coronavírus, para 8,1 milhões, após a pandemia. No intervalo entre os meses de março e abril, o total de consultas também cresceu de 6 mil para 14 mil e as mulheres responderam por 75% da procura por ajuda psicológica durante a crise do Coronavírus (homens responderam por 25%), segundo levantamento “O que mais afeta a Saúde Mental dos trabalhadores durante a pandemia” da consultoria Mercer Marsh Benefícios, líder em gestão de saúde e programas de qualidade de vida e bem-estar para trabalhadores.

Entre as principais causas de transtornos comportamentais e de sa... Continue lendo